A AEIPS venceu o Prémio Gulbenkian Beneficência 2011.
O júri (presidido por António Barreto e composto por Cristina Louro, D. Manuel Clemente, Alexandre Castro Caldas e Daniel Sampaio) destacou o trabalho da associação na reintegração social das pessoas com problemas de saúde mental.
Esta distinção, que muito nos honra, é um reconhecimento pelo trabalho desenvolvido pela associação ao longo dos anos e, em particular, pela implementação do projecto “Casas Primeiro” para pessoas sem abrigo com doença mental na cidade de Lisboa.

Discurso Prof. Doutor José Ornelas

Artigo Diário de Notícias (21.Jul.2011)